sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Aromaterapia



O que é Aromaterapia?

O termo “Aromaterapia” é aplicado a um ramo da Fitoterapia. “Aroma”, significa cheiro agradável e “terapia”, tratamento que visa a cura de uma indisposição mental ou física. O óleo essencial é utilizado no tratamento e extraído das plantas aromáticas em aplicações no corpo enfermo.

Como funciona a Aromaterapia?

Os óleos essenciais penetram no corpo por inalação e por absorção, pelos poros. Eles nos afetam de três maneiras: farmacológica, fisiológica e psicologicamente.
Após inalados, os sinais aromáticos são enviados ao sistema límbico, no cérebro, e exercem um efeito direto no pensamento e nas emoções. Seus componentes químicos naturais são levados pela corrente sanguínea a todas as regiões do corpo.
Certos óleos essenciais também têm afinidade com regiões determinadas do corpo e apresentam um efeito equilibrador, sedativo ou estimulante sobre os vários sistemas.
A massagem é considerada como o modo mais eficaz de aplicá-los ao corpo, aumentando o potencial de cura da aromaterapia.
As propriedades medicinais dos óleos essenciais e o poder terapêutico do toque se combinam para formar um potente tratamento de cura. A massagem pode ser relaxante ou energizante, pode acalmar o sistema nervoso ou ativar os sistemas circulatório e linfático para melhorar o desempenho físico e o mental. Entre os benefícios da massagem, destacam-se o alívio da dor e da tensão dos músculos retesados e exauridos e a elevação do ânimo. Quando não for possível incluir uma massagem em seus tratamentos aromáticos em casa, use um dos outros métodos, como, inalações a vapor, banhos, compressas, cremes , loções, gel, gargarejo, bochechos, escalda pés.
História da Aromaterapia



Um pouco da História da Aromaterapia
As culturas mais antigas valorizavam os benefícios terapêuticos dos óleos de plantas aromáticas. A antiga literatura védica da Índia e os textos históricos da medicina chinesa, documentam a importância dos óleos aromáticos para a saúde e para a espiritualidade.
Registros procedentes do Oriente mostram que destilarias primitivas já eram empregadas há 5.000 anos, embora provavelmente produzissem loções em vez de óleos essenciais.
Hipócrates, considerado “o pai da medicina”, utilizava fumigações aromáticas para erradicar a praga de Atenas, e os soldados romanos se fortaleciam em banhos aromáticos e massagens. No entanto, as tradições aromáticas mais interessantes pertencem aos antigos egípcios. Médicos do mundo todo iam ao Egito aprender a cura pelos aromas com os mestres de então.
No ano 1.000 D.C., o médico Avicenna introduziu o sistema de arrefecimento no processo de destilação, fazendo da extração dos óleos essenciais um processo mais refinado e eficiente.
Progressos Ocidentais
Acredita-se que a aromaterapia foi trazida para o mundo ocidental no tempo das Cruzadas. Há registros da utilização de óleos essenciais durante a praga do século XIV. No entanto, foi durante os séculos, XVI e XVII que a aromaterapia se difundiu. No fim do século XIX, experimentos científicos realizados sobre as propriedades antibacterianas das plantas começaram a esclarecer a composição química e a potencial força curativa dos óleos essenciais. Infelizmente, em vez de levar a um aumento do uso dos óleos essenciais, esforços foram feitos no sentido de imitar as suas propriedades e, de modo crescente , os equivalentes químicos sintéticos vêm sendo empregado no lugar dos óleos essenciais das plantas.
Os grandes estudiosos de ervas, europeus, entre eles o inglês Nicholas Culpeper, escreveram bastante sobre seus benefícios. Nos dois últimos séculos, os cientistas ampliaram consideravelmente os conhecimentos sobre as propriedades químicas do óleo de planta.
“Culpeper” relacionou as propriedades de muitas ervas.
A reintrodução do uso dos óleos essenciais começou então nos anos 1920, com o trabalho de um químico francês, René Maurice Gattefossé, que sentiu-se atraído pelo potencial terapêutico dos óleos essenciais. Ele descobriu que o óleos essenciais da lavanda (alfazema) curava rapidamente uma queimadura em sua mão e que muitos óleos essenciais eram melhores antisépticos que seus correspondentes  sintéticos. Foi Gatefossé quem cunhou o termo “aromathérapie”.
Dr. Jean Valnet, um cirurgião do exército francês, incrementou as pesquisas utilizando óleos essenciais no  tratamento de soldados feridos em batalha. Mais tarde, ele usou óleos essenciais com grande sucesso em pacientes de um hospital psiquiátrico. Em 1964, Valnet publicou seu livro Aromathérapie. Considerado por muitos como a bíblia da aromaterapia.
Marguerite Maury uma terapeuta da beleza, nos anos 1950, introduziu cíinicas de aromaterapia na Grã- Bretanha. Ela ensinou a esteticistas como usar os óleos essenciais, em massagens, para oferecer tratamentos de rejuvenescimento personalizados aos clientes. Nos últimos anos, a aromaterapia evoluiu além da terapia da beleza. Agora é reconhecida como uma parte importante dos tratamentos de saúde complementares.
Pesquisas têm sido aceleradas nas universidades e em muitos hospitais de todo o mundo. Os resultados têm nos proporcionado um conhecimento muito mais profundo a respeito dos óleos essenciais, assim como uma conscientização ainda maior do seu poder excepcional.

Fonte:Bioessencia

Pindas Chinesas,ótimas aliadas para massagens terapêuticas!

Originário das antigas terapias orientais, e reconhecido através dos seus resultados esta técnica encontra-se de certa forma ligada ao fundamento da moxibustão, através da aplicação de calor em pontos de shiatsu ou da acupunctura.


Esta foi transmitida ao longo do tempo, de geração em geração, tendo esses ensinamentos conseguido chegar até aos dias de hoje, graças à preservação das tradições.

As Pindas, são saquinhos de linho que no seu interior têm ervas medicinais, aromáticas e especiarias com propriedades tanto relaxantes como estimulantes, as quais são previamente aquecidas, de forma a criar o efeito terapêutico desejado, equilibrando a energia interior.

Esta técnica pode ser aplicada recorrendo a várias manobras de massagem, criando um relaxamento profundo e uma conexão com o nosso interior, através de uma paz e harmonia, subtilmente proporcionadas com o auxílio de aromas, de música, de toques e descompressão de energias retidas pelo nosso corpo.

Temos um tratamento que beneficía desde os pés a cabeça, proporciona um relaxamento profundo, combatendo situações de elevado stress, controlando estados depressivos, provocando um relaxamento muscular, aumentando a auto-estima, elevando o estado de consciência e facilitando a concentração e a meditação.

As ervas aromáticas mais utilizadas são a alfazema/lavanda, camomila, jasmim, rosa, neroli, laranjeira, erva-limão e a canela, tendo sempre em conta o tratamento pretendido.




Um perfeito ritual de Relax.

Um cheiro ótimo. Aromático, revigorante, relaxante. Engrandecido por uma música calma, o cliente é transportado para um pequeno mundo de sonhos asiáticos. Relaxa, encontra a calma, ganha uma nova energia vinda de um infinito reservatório virtual de um conhecimento milenar. Esta energia provém das ervas e Óleos criando um perfeito sentimento de harmonia. Encontra-se um entendimento absoluto que abrange corpo, mente e espírito.

Método Pinda Sveda mima a pele com um bouquet de finas ervas envoltas em linho.
Estas ervas são colhidas á mão, suavemente secas envoltas em linho natural, e isoladas da luz e do ar, preservando o efetivo e ótimo aroma até ser usado.

O bem-estar está onipresente durante os tratamentos devido ao sentimento de descompressão, relaxamento e retorno de energia.

Ambos os tratamentos, faciais e corporais (incluindo tratamento parcial do corpo) podem ser feitos isolados ou em conjunto.

Envolvimentos de ervas de diferentes tamanhos estão disponíveis para ambas as áreas de aplicação

 Pinda Sveda massagem facial não é um suplemento, mas sim, oferece o início ideal para os tratamentos de bem-estar.

Pinda Sveda não só alcança um ótimo efeito entre a síntese e o bem-estar, como também pode integrar outros conceitos anti-idade nas massagens de corpo.

Método Pinda Sveda — o milagre do cuidado energizante, mimoso e terno do bem-estar, baseado na medicina asiática.

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Acupuntura alivia cansaço extremo em pacientes com cancer de mama

Novidades!

Muito em breve estarei atendendo em Cabo Frio no Rituale. Centro de Beleza Estética e Terapias Complementares,com novidades no tratamento e novas práticas e terapias.
Agradeço a todos que me acompanham esse tempo todo,e espero que aguardem e confiram o novo espaço.Um beijo a todos!



Venha Viver Melhor Você Também!!!



Viva Melhor Você Também!
Experimente as Terapias Holísticas e tenha uma vida mais saudável,menos estressante!!

Dra.Carolina de Bragança Rego de Azevedo


Temos terapias para :
Estresse
Obesidade
Dores em geral
Ansiedade entre outros.
Escolha a que mais combina com você!!!

Acupuntura
Estética Facial e Corporal

Auriculoterapia

Fitoterapia

Florais de Bach
Terapias Holísticas e Complementares




Atendimento com hora marcada

Contatos:

Tel:(22)988281958 (22)998036935

Email:carolinarego@outlook.com